terça-feira, 21 de junho de 2016

Em 2013 eu também tinha menos... 3 anos.

Pecador aqui me confesso! 
Eu sou um leitor regular do "espoleaks"!
Ao contrário do que alguns insistem em pensar nada tenho a ver com a autoria do dito (verdade seja dita que invejo o nível de algumas tiradas - bem gostava de as ter escrito! Outras há cujo registo também não aprovo), mas leitor sou.

Posto isto, vi por lá uma suposta nota de imprensa do Município e não resisti a ir confirmar ao "facebook" da entidade. Era mesmo verdade!

Eu que não sou um tipo dado a "vergonhas" sentir-me-ía corado se tivesse sob a minha alçada alguém a escrever uma nota de imprensa com "bicadas" de regime! E não me venham com inocências porque o bitaite tem destinatário específico. Que tomem o povo como sereno eu dou de barato, agora que nos queiram fazer de burros, isso acho indecente!

Se o Sr. Presidente subscreve a estatística do gabinete de comunicação e a informação feita nestes termos então permita-me que lhe dê mais um dado estatístico: o aumento dos números só pode dever-se a uma pessoa - o Dr. Maranhão Peixoto. O "outsider" contratado para vice! Isto porque todos os demais integrantes do executivo já por lá andavam em 2013.

Só espero é que a precisão dos 1267 de 2013 coincida com a dos 2200 de 2016 pois foram esses os requisitados (segundo consulta ao Base), por €26.400,00.


Por fim, uma sugestão:
- assim como qualquer informação e despacho da CME são assinados por um colaborador com rosto, que as "notas de imprensa" e este tipo de publicações tenham paternidade! Se este é o trabalho de alguém, da mesma forma que os Eng., Arq., e Técnicos da autarquia não assinam "O departamento de obras", que estes assinem também o nome por baixo do que escrevem.