quarta-feira, 19 de outubro de 2016

TransCávado BTT-GPS 2016



 

Não podia deixar aqui de dar nota do vídeo final do TransCávado 2016, realizado nos passados dias 1 e 2 de Outubro.

Quando no início deste ano me desafiaram a colaborar neste projecto, ainda que sem saber bem no que me estava a meter, não hesitei em dizer sim. No fim de contas são já alguns quilómetros que levo nas pernas neste tipo de aventuras e era a oportunidade de poder colaborar também na organização de um evento para os outros, assim como outros organizam aqueles em que participo.

O desafio inicial era simples: ligar Esposende a Montalegre o mais possível junto às margens do rio Cávado - mote do evento.

E assim foi! Horas e horas em frente ao Garmin Basecamp, cartografia para aqui, tracks para acolá... e a coisa começou a desenhar-se.
Orientado o "fio", seguiu-se a saída para o sol. 
Uma experiência fantástica na natureza e de convívio com as populações das terras por onde passamos e onde naturalmente explicamos o que iria acontecer por ali.
Descobrimos sítios onde sem este pretexto nunca passaríamos, paisagens escondidas daquilo que são os trilhos habituais. Tentamos, tentamos muito, acima de tudo oferecer um percurso que fosse mais que um desafio físico, uma experiência visual. Porque o cansaço passa, as imagens que registamos é que nos prendem e eventualmente desafiam a voltar.

Com uma estrutura inicial de três pessoas e nos dias do evento uma grande equipa a remar junta foi possível levar algo com uma logística desafiante a bom porto.

A aventura, em duas versões:
- Passeio (Slow Race) em duas etapas: Esposende - Rio Caldo / Rio Caldo - Montalegre;
- Competição (Race) numa só etapa: Esposende - Montalegre, com 146kms e 4000D+; 

Não farei aqui qualquer balanço, seria como "falar de um filho" e os nossos filhos "são sempre os mai'lindos do mundo"!

O melhor balanço encontra-se no facebook na página do evento pela opinião dos participantes.

Digo apenas: foi gratificante. E deixo o registo final de um fim de semana épico!